quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Micropigmentação e tatuagem, técnicas diferentes.




Inicialmente a técnica era a mesma, atualmente não, apesar de semelhantes, existem diferenças sim, a principal delas é que a micropigmentação é feita na epiderme, na camada superficial da pele, já a tatuagem é mais invasiva, pois atinge a derme.
Na micropigmentação usamos um aparelho chamado dermógrafo (foto acima) , próprio para trabalhos sensíveis e delicados, as agulhas e os pigmentos foram desenvolvidos especialmente para este fim o que fez com que a técnica evoluísse, hoje podemos obter um resultado mais suave e delicado, o que antes era mais agressivo e grosseiro, deixando marcas irreversíveis.
Na tatuagem, no entanto, o pigmento fica depositado na derme, isso leva a uma lesão mais profunda e uma consequente cicatriz, devido a agressão das fibras de sustentação que compoem essa camada.
Considerando que a micropigmentação é uma técnica que só atinge a epiderme podemos dizer que é um processo reversível, para não reforçar esta maquiagem, basta não fazer os retoques de manutenção e poderá também, serem utilizados produtos que descamam a pele, acelerando a renovação celular, e em último caso recorrer ao processo de despigmentação, nestes últimos casos sempre buscando a orientação de um especialista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário